7.3.10

Com a igreja cheia de convidados e com Patrícia aflita por Quim não aparecer, finalmente o taxista chega para se casar. O noivo justifica-se e diz que ficou preso no trânsito. Logo a seguir, troca um olhar cúmplice com Helena. A noiva percebe e para disfarçar diz ao taxista que não tem padrinho. Nesse instante, chega Bernardo que estava desaparecido há alguns meses e pede à irmã para ser padrinho dela. A noiva emociona-se e abraça o irmão. 

link do postPor Muito Mais, às 10:46  comentar


 
posts recentes
subscrever feeds